L'Incs EXTRAORDINÁRIO


XXI Jornada da EBP-MG
Data: 27 e 28 de Outubro
Local: Hotel Mercure. Av. do Contorno, 7315 - Lourdes

L'Incs Extraordinário está no ar trazendo informações do que acontecerá em nossa XXI Jornada e ao seu redor. Lançamento de livros, programa completo, dicas de hotéis, restaurantes e pontos turísticos.

Lançamentos da Livraria da EBP-MG


"O que do Encontro que se Escreve"
Pierre Naveau
Pierre Naveau
Editora: Escola Brasileira de Psicanálise
“O livro de Pierre Naveau explora a consequência imprevista, inesperada, que é a outra face do "Não há relação sexual... que possa se escrever". Há encontros entre homens e mulheres, ou sujeitos do mesmo sexo, e, nesse nível, alguma coisa pode se escrever. Mas em qual sentido? Justamente, em múltiplos sentidos, que vão da letra/carta de amor à fórmula do recobrimento de duas fantasias, à escolha do parceiro sintoma, à lógica que anima o encontro entre sujeitos do mesmo sexo ou de sexos opostos. Claro, a lógica de um encontro inscreve também, sempre, seu ponto de mal-entendido, de falha, de "não é isso". 
Ao acompanhar os meandros do livro de Pierre Naveau, saberemos melhor que os segredos do encontro repousam sobre o real do inconsciente, que vem redistribuir a realidade da anatomia nas variedades de figuras, das quais apenas o nó desenhado pela lógica da sexuação, o acontecimento clínico e os fuxicos do discurso amoroso testemunhados pela literatura dão conta”.
Eric Laurent (Do prefácio)


"Loucura e Responsabilidade: consentimento às ficções científicas"

Fernando Casula
Fernando Casula
Editora: Artesã

Por ocasião do lançamento de seu livro durante a XXI Jornada da EBP-MG, Fernando Casula concedeu uma entrevista ao Portal "Minas com Lacan" abordando importantes temas que foram trabalhados em seu livro "Loucura e Responsabilidade: consentimento às ficções jurídicas". Acesse a entrevista clicando aqui.





Psicopatologia Lacaniana: Semiologia


Antônio Teixeira e Heloísa Caldas
 
Organizadores: Antônio Teixeira e Heloisa Caldas
Editora: Autêntica

Esta obra não possui equivalente na psicanálise de orientação lacaniana. Sua realização só poderia ser possível no Brasil, país onde se tece uma relação particular entre os movimentos de reforma psiquiátrica e nossa orientação psicanalítica.

Este livro dá todo seu lugar ao sujeito como tal no campo da psicopatologia, sem se esquecer das hipóstases que ele pode tomar no caráter e na personalidade. Distingue cuidadosamente os registros que lhes são próprios. Coloca em exergo o lugar e a função das diferentes experiências da fuga de sentido e do enigma no campo clínico. Subverte os prestígios da consciência, destacando o profundo conhecimento que ela constitui com relação às ditas "funções do Eu". A partir da dimensão do Real própria a nosso campo, interroga o que o discurso clínico nomeia como realidade. O inconsciente como memória é também aqui muito bem situado como antimemória. Em vez da oposição que se faz entre emoção e cognição, os laços e o lugar do afeto são situados em sua relação com a estrutura do Outro do discurso, traçando os contornos de uma cognição afetiva. As categorias kantianas fundamentais do tempo e do espaço, constitutivas do sujeito da psicologia, são retomadas a partir das categorias da experiência psicanalítica. O debate sobre o transtorno de atenção, com ou sem hiperatividade, é deslocado a partir da função lógica da debilidade mental. Por fim, este livro realiza o tour de force de situar aa tualidade da sexuação nos debates sobre o gênero, nos limites da clínica.
Éric Laurent (Do prefácio)

Assista aqui a entrevista concedida por Antônio Teixeira ao Portal Minas com Lacan


A Droga do Toxicômano

Jésus Santiago

Jésus Santiago
Relicário Edições (Coleção BIP – Biblioteca do Instituto de Psicanálise)

“O enfoque psicanalítico das relações que o toxicômano estabelece com a droga situa-se no encontro de uma variada gama de problemas e impasses conceituais, em que o debate sobre sua delimitação como uma categoria clínica dotada de especificidade própria se destaca de maneira decisiva. Nada do consumo abusivo da droga equivale ao que foi, para a psicanálise, o sintoma conversivo, o pensamento obsessivo-compulsivo ou a ideia delirante persecutória, que permitiram a postulação de estruturas clínicas freudianas clássicas, a saber, respectivamente, a histeria, a neurose obsessiva e a paranoia. E, a despeito dessa insuficiência de cunho conceitual, deve-se tomar a toxicomania como um dos capítulos da história da psicanálise em que mais se consegue aproximar dos próprios limites tanto de seu saber como de sua prática”.



A Distinção do Autismo


Rosine e Robert Lefort
Trad. Ana Lydia Santiago e Cristina Vidigal

Rosine e Robert Lefort
Relicário Edições (Coleção BIP – Biblioteca do Instituto de Psicanálise)


Rosine e Robert Lefort abordam o autismo a partir de referências clínicas que lhes são asseguradas pelo ensino de Jacques Lacan. A clínica verifica a medida dessas referências. Como os analistas não podem deixar de fazer, Rosine e Robert Lefort sustentam esta orientação do lugar que lhes é próprio: confrontados a um autista, eles levam a sério seu estatuto de sujeito, ou seja, de ser falante. Eles assumem, desse modo, a transmissão de sua experiência clínica, da qual prestam conta incansavelmente, como seus trabalhos precedentes o atestam. Nenhuma receita, mas uma formalização que concerne a cada um, em um estilo cujo sopro deve-se à atenção ao detalhe. Associar essa leitura de casos mais comuns à de escritores notórios de nossa cultura, como Edgar Allan Poe, Dostoiévski, Lautréamont, Pascal e Proust, denuncia a distinção do autismo. E, no mesmo movimento, distingue-o de qualquer psicose, particularmente, da esquizofrenia.

-----------------//-----------------



PROGRAMA DA XXI JORNADA DA EBP-MG

Eis aqui o programa de trabalho da XXI Jornada da EBP-MG – "O inconsciente e a diferença sexual: o que há de novo?"
Para abrir: "El día que me quieras"!
A atualidade do sintoma e como ele se enlaça às questões de sociedade exigem a ousadia da subversão.

Jésus Santiago, responsável pela orientação da Jornada, traz-nos umaConferência cujo desenvolvimento destaca o que há de novo quando tomamos oinconsciente e a diferença sexual como lupas clínicas e conceituais para elucidar a experiência analítica hoje. Não recuar é nossa orientação!

No funcionamento, vocês descobrirão que a arte e o saber fazer engendrado nosinthoma conferem potência à Jornada Clínica. Ela porta o recado do falasser entregue ao analista praticante. Procuraremos ler o saber inédito que, de cada caso, pode vir a se mostrar nos debates das salas, visando transportá-lo à plenária através da transmissão dos colegas AME, quando da Conversação entre todos os participantes da Jornada.

Entre a Jornada Clínica e a Conversação da Jornada se impõe o Ensino do Passe. Sim!!! Uma manhã de trabalho para a transmissão do testemunho de Maria Josefina Fuentes e Sérgio Laia, seguidos dos comentários de Elisa Alvarenga e Luiz Fernando Carrijo, sob a coordenação de Ana Lydia Santiago. Um bom tempo para conversar sobre o que pode ensinar a experiência de uma análise.

Aliás, como ensina Lacan, é no “esp de um laps”, nesse flash, que o inconsciente se mostra de forma contingente e real. Frederico Feu de Carvalho tem o que nos mostrar. Esperamos fazer do nosso encontro um bom encontro com a causa analítica e confirmar, com Pierre Naveau, que um real “encontro ressoa, assim, com surpresa”.

 Por essa via, a da surpresa, nós recebemos a notícia de que ele, nosso convidado Pierre Naveau, não poderá estar conosco na Jornada. Contingências de um Encontro!  Desse modo, a programação da Jornada abriu-se a um momento especial quando apresentaremos as ressonâncias da generosa transmissão de Naveau inscrita no seu livro O que do encontro se escreve. Para agradecer e celebrar a presença de seu ensino entre nós, faremos o lançamento de sua obra: Antônio Teixeira, Fernanda Otoni e Márcia Rosa pretendem confessar, em plenária, o que foi o encontro de cada um com a escrita de Pierre Naveau, destacando o que a leitura faz vibrar.

Como podem já sentir, trata-se de uma Jornada imprevisível e, por isso mesmo, imperdível!
Contamos com sua presença e desejo! 
Fernanda Otoni-Brisset – Diretora da EBP-MG
Ludmilla Feres Faria – Coordenadora da XXI Jornada da EBP-MG
27 DE OUTUBRO (SEXTA FEIRA)
08h Credenciamento
I – INSTANTE DE VER
09h – “El día que me quieras” 
Fernanda Otoni Brisset (Diretora da EBP-MG)
Ludmilla Féres Faria (Coordenadora da XXI Jornada da EBP-MG)
09:45h – “O Inconsciente e a diferença sexual: o que há de novo?” 
Conferência: Jésus Santiago (Diretor Orientação da XXI Jornada da EBP-MG)

11h – “O que do encontro se escreve” de Pierre Naveau
Apresenta – Fernanda Otoni Brisset

"A defesa do Infinito" e "O Instante" de Aragon
Comenta: Antônio Teixeira

"A partilha do meio dia" de Paul Claudel
Comenta: Márcia Rosa Luchina


12h as 13:30h – Almoço
II – TEMPO DE COMPREENDER
13:30h – Jornada Clínica 

13:30h -   Flashs
14:00h –  mesa 1
15:15h –  mesa 2
16:30h –  mesa 3
17:45h –  mesa 4
Confira aqui o programa completo da Jornada Clínica
19h - Lançamento de livros 

28 DE OUTUBRO (SÁBADO)
III – MOMENTO DE CONCLUIR
10h – O ensino do passe
Coordena: Ana Lydia Santiago

10h - Uma pena - Maria Josefina Sota Fuentes (AE)
Comenta: Elisa Alvarenga

11:30h - O furo que sopra - Sérgio Laia (AE)
Comenta: Luiz Fernando Carrijo da Cunha

13h às 15h – Almoço

 15h : Uma rapidinha…  the flash!
 Com Frederico Feu de Carvalho

 15:30 – Pontuações sobre a Jornada Clínica e Conversação 
Coordena: Ludmilla Féres Faria 

A Origem do mundo – Simone Souto
O Grande Masturbador – Antônio Beneti
La Poupée – Luiz Henrique Vidigal
Os Retirantes – Cristina Drumond
O Êxtase de Santa Tereza – Ram Mandil
  
17h30 – Encerramento e … mais ainda: XXII Jornada da EBPMG

22h – FESTA:  “Noite Autenticx
Shows: Dolly Piercing + Orquestra Mineira de Brega + Dj Peixota
Onde: A Autêntica - Rua Alagoas, 1172 - Savassi - BH MG
Ingressos à venda na sede da EBP-MG e durante a XXI Jornada.

-----------------//-----------------

Clique na imagem de BH para acessar a lista de hotéis, restaurantes e pontos turísticos

http://minascomlacan.com.br/wp-content/uploads/2017/10/lista-completa-hoteis-restaurante-e-pontos-turisticos.pdf

Jornada EBP-MG